Espanha convoca embaixador venezuelano para exigir acordo nacional

Bamaco, 26 jul (EFE). - O Ministério de Assuntos Exteriores e Cooperação da Espanha convocou nesta tarde o embaixador da Venezuela na Espanha, Mario Isea, para exigir que o governo de Nicolás Maduro acabe com a violência no país e promova "um grande acordo nacional" com a oposição.

O secretário de Estado de Cooperação e para Iberoamérica, Fernando García Casas, foi quem recebeu Isea na sede do órgão em Madri, após o posicionamento da União Europeia (UE) sobre a intensão do regime chavista de realizar eleições no próximo domingo para a Assembleia Constituinte. O ministro de Assuntos Exteriores espanhol, Alfonso Dastis, informou sobre a reunião com o embaixador venezuelano durante a visita oficial que fez hoje a Bamaco, a capital do Mali.

Em declarações aos jornalistas, antes de se reunir o ministro de Relações Exteriores do Mali, Abdoulaye Diop, Dastis reivindicou que governo de Maduro promova "um grande acordo nacional que possibilite sair da situação difícil em que a Venezuela está". O ministro espanhol também exigiu que Maduro ponha fim à "grave situação de violência", eleições "o mais rápido possível", a libertação dos presos políticos e a criação de canais para que a ajuda humanitária chegue o quanto antes. Em todos estes pontos, acrescentou Dastis, é preciso que o regime chavista "faça progressos" para evitar a deterioração da política na Venezuela.

A reunião com o embaixador venezuelano aconteceu depois que a chefe da diplomacia da UE, Federica Mogherini, emitiu um comunicado em que exige ao governo venezuelano "medidas urgentes" para restabelecer a confiança e retomar o diálogo com os opositores. Ela também advertiu que a eleição da Assembleia Constituinte poderia "polarizar ainda mais o país e aumentar o risco de confronto".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos