Agressor de supermercado na Alemanha gritou "Alá é grande", dizem testemunhas

Berlim, 28 jul (EFE).- O agressor que realizou um ataque com faca nesta sexta-feira em um supermercado em Hamburgo, no norte da Alemanha, gritou "Alá é grande" em árabe, logo após matar uma pessoa e deixar outras quatro feridas, de acordo com pessoas que estavam no local.

O homem, que foi detido pouco depois e sofreu ferimentos leves, portava uma faca de cozinha grande e estava visivelmente fora de si, asseguraram várias testemunhas presenciais em declarações à emissora de televisão privada "NTV".

O porta-voz da polícia de Hamburgo, Timo Zill, comentou que as investigações estão seguindo várias direções e que, por enquanto, não é possível fazer "avaliações sérias" sobre o contexto do ataque, nem sobre os motivos do agressor.

A própria polícia tinha informado inicialmente que se tratava de um roubo, mas, posteriormente, não confirmou essa informação e disse que ainda estava investigando o ocorrido.

As imediações do supermercado, que fica no bairro de Barmbek, estão cercadas e fechadas ao trânsito em um amplo perímetro, mas as autoridades não confirmaram que o alerta antiterrorista foi acionado, como noticiou o tabloide "Bild" em um primeiro momento.

As fontes policiais informaram que o agressor atacou indiscriminadamente com uma faca de cozinha as pessoas que estavam no supermercado, e uma delas acabou morrendo.

O homem fugiu do local após o ataque, mas foi perseguido por um grupo de pessoas que conseguiu imobilizá-lo a poucos metros do local, onde depois ele acabou sendo detido pela polícia.

O incidente ocorreu por volta das 15h locais (10h de Brasília) e, minutos depois, a polícia já tinha recebido uma primeira denúncia, de acordo com o "Bild", que publicou uma fotografia do suspeito detido no interior de uma viatura policial, com a cabeça coberta por um saco e aparentemente ferido.

Além disso, as fontes policiais indicaram que se trata de apenas um agressor, ao contrário de algumas versões de meios de comunicação locais, que veicularam que a polícia estaria buscando um possível cúmplice nas imediações do supermercado.

O bairro de Barmbeck fica no nordeste de Hamburgo e é uma zona residencial de classe média, com grande proporção de habitantes de origem estrangeira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos