Mais duas pessoas morrem em protestos na Venezuela

Caracas, 27 jul (EFE).- Duas pessoas, uma no estado de Lara (oeste) e outra em Anzoátegui (leste) morreram nesta quinta-feira nas manifestações, uma delas ao receber um tiro no peito, informou o Ministério Público da Venezuela.

Uma das vítimas foi identificada como Rafael Canache, de 29 anos, em uma "situação irregular" registrada na localidade de Jabillote, em Anzoátegui, segundo a promotoria em nota divulgada no Twitter.

Nesse mesmo fato outra pessoa de 20 anos, que não foi identificada, ficou ferida.

A ONG Observatorio Venezolano de Conflictividad assegurou que Canache foi "assassinado" durante a manifestação, uma informação que ainda não foi confirmada pelas autoridades.

A outra vítima foi registrada na cidade de Cabudare, em Lara, e se trata de José Miguel Pestano Canelón, de 23 anos, que foi morto durante uma manifestação nessa localidade, informou o Ministério Público.

O total de mortos chegou a 107 nas manifestações que desde abril sacodem a Venezuela e que já deixaram mais de mil detidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos