Explosão em Mossul deixa 3 membros de mesma família mortos

Erbil (Iraque), 29 jul (EFE).- Três civis, entre eles uma criança, morreram neste sábado e outros sete ficaram feridos, todos membros de uma mesma família, após a explosão de um artefato perto da casa onde viviam a 15 quilômetros da cidade de Mossul, no Iraque.

O responsável de comunicação da Direção da Polícia da Província de Ninawa, Mazen al Ahmadi, informou à Agência Efe que há três mulheres entre os feridos. Os agentes investigam se o explosivo foi colocado recentemente ou se é um resto da guerra contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) na cidade.

Os feridos foram levados a hospitais de Mossul.

O Comando de Operações de Ninawa afirmou em comunicado que a aviões da coalizão internacional bombardearam várias regiões próximas à comarca de Tel Afar, a 60 quilômetros ao oeste de Mossul, contra alvos móveis e fixos do EI.

Em comunicado, o diretor-geral do Departamento de Saúde de Ninawa, Laiz Abdelrazeq Hababa, informou que mais de 18 mil pessoas ficaram feridas desde o início da ofensiva para libertar Mossul das mãos do grupo terrorista.

Do total, 13 mil dessas vítimas são civis. O restante são membros das forças de segurança do Iraque.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos