Após cessar-fogo, Hisbolá e jihadistas trocam corpos de combatentes

Beirute, 30 jul (EFE).- O grupo xiita Hisbolá e os jihadistas da Frente da Conquista do Levante - ex-braço de Al Qaeda na Síria - trocarão os corpos de seus respectivos combatentes na primeira fase do acordo fechado após o cessar-fogo na fronteira libanesa-síria.

O Centro de Informação de Guerra, da parte do grupo xiita, informou deste primeiro passo dentro da cessação de hostilidades, anunciado no dia 27 de julho, na região de Arsal - no nordeste do Líbano e fronteiriço com a Síria - onde o grupo realizou uma ofensiva militar para expulsar os extremistas da região.

Segundo o Hisbolá, esta troca de corpos será realizada sob a supervisão da Segurança Geral libanesa na região de Labue, a 12 quilômetros a oeste de Arsal.

O Organismo de Saúde Islâmica será o encarregado de transportar os corpos de nove combatentes da Frente al Nusra - como o Hisbolá chama o grupo extremista -, enquanto que a Cruz Vermelha transferirá cinco milicianos do grupo xiita, que morreram na batalha de Arsal.

O centro de informação do Hisbolá anunciou que o primeiro cortejo, com os nove corpos da Frente al Nusra, já partiu e se dirige a Labue para a troca.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos