Número de mortos durante protestos na Venezuela neste domingo sobe para oito

Caracas, 30 jul (EFE).- Dois adolescentes de 17 e 13 anos morreram por disparos de arma de fogo em protestos no estado venezuelano de Táchira, fronteiriço com a Colômbia, elevando número de vítimas mortais para oito durante a votação da Assembleia Nacional Constituinte.

O Ministério Público (MP) informou no Twitter que o jovem de 17 anos foi morto na localidade de Tucapé, enquanto o adolescente de 13 anos morreu em Capacho Viejo.

Neste domingo, a Venezuela realiza eleições para uma Assembleia Constituinte, apesar de a oposição, a Igreja Católica e o parte do chavismo rejeitarem a iniciativa, a exemplo de vários países do mundo.

A oposição, por sua vez, está desde a madrugada de hoje nas ruas tentando evitar estas eleições, e durante o dia foram registrados confrontos entre manifestantes e as forças de ordem em várias cidades do país.

A morte dos dois adolescentes eleva a 117 o número oficial de falecidos durante a onda de protestos que a Venezuela vive há quatro meses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos