Cristina Kirchner lidera pesquisa para Senado na Argentina

Buenos Aires, 31 jul (EFE).- A ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner (2007-2015) apareceu na frente em uma pesquisa de intenção de voto divulgada nesta segunda-feira para as primárias de 13 de agosto entre os pré-candidatos a senadores pela província de Buenos Aires, o maior distrito eleitoral do país.

Segundo o instituto Analogías, Cristina aparece em primeiro na lista de candidatos a senador da coalizão kirchnerista Unidade Cidadã com 35,6% das intenções de voto.

A ex-presidente mostrou maior popularidade entre jovens (16 a 29 anos) e adultos jovens (30-44) e nos setores de menor nível educacional, enquanto tem menos apoio entre universitários e maiores de 60 anos.

A pesquisa foi realizada entre sexta-feira e sábado por telefone e presencialmente com 3.560 pessoas em toda a província de Buenos Aires, a mais povoada da Argentina.

"O desafio é construir uma maioria que ponha um limite ao ajuste mas que também ponha a corrupção no passado e as coisas nos eixos. A Argentina precisa uma oposição séria como a nossa, não de uma oposição como a de Cristina, que põe o país em risco", disse nesta segunda-feira Sergio Massa, líder da coalizão opositora Frente Renovadora e terceiro colocado na pesquisa.

As primárias do próximo 13 de agosto definirão os candidatos que poderão concorrer nas eleições legislativas nacionais de outubro, que renovarão 24 cadeiras no Senado e 127 na Câmara de Deputados da Argentina.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos