Inundações deixam mais de dois milhões de evacuados na Índia

Nova Délhi, 31 jul (EFE).- Mais de dois milhões de pessoas tiveram que ser evacuadas na Índia devido às inundações e fortes chuvas que castigam a metade do norte do país, onde as autoridades preveem mais precipitações em quatro estados para os próximos dias.

"Esperamos novas inundações para os próximos dias em Gujarate, Bihar, Bengala e Uttar Pradesh", disse nesta segunda-feira à Agência Efe o porta-voz da Força Nacional de Resposta a Desastres, Anil Shekhawat.

O porta-voz detalhou que um milhão de pessoas foram evacuadas em Gujarate e no Rajastão (oeste), outro milhão nos estados do nordeste - especialmente Assam - e cerca de 10.000 em Bengala (leste), onde a situação já está "sob controle e não há danos de importância".

"A situação já está melhorando na maior parte do país, com exceção dos estados de Bengala e Orissa", ambos no leste da Índia, apontou Shekhawat.

A Índia se encontra sob os efeitos das monções, uma época do ano marcada pelas intensas precipitações e outros incidentes meteorológicos que costumam se estender até setembro.

Desde o início das monções, mais de 50 pessoas morreram e quase dois milhões se viram afetadas no nordeste do país asiático pelas chuvas e inundações, enquanto outras 126 morreram em Gujarate.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos