Londres convoca embaixador norte-coreano para criticar teste de míssil

Londres, 31 jul (EFE).- O ministério de Relações Exteriores do Reino Unido convocou o embaixador da Coreia do Norte em Londres, Choe Il, para manifestar sua condenação pelo lançamento de um míssil balístico intercontinental na última sexta-feira.

Em comunicado, a pasta disse que o secretário de Estado, Tariq Ahmad, transmitiu ao embaixador norte-coreano a "forte condenação" do governo do Reino Unido pelo teste armamentístico e lembrou que ele violou as resoluções de segurança das Nações Unidas.

"Mais uma vez, os atos da Coreia do Norte violam diretamente múltiplas resoluções do Conselho de Segurança da ONU e ameaçam a segurança internacional", afirmou Ahmad, que apontou que Londres "trabalhará com os seus parceiros e aliados para debater esta ameaça".

"Clamo ao regime para cessar esta perigosa atividade, mudar de curso e se concentrar no conforto ao seu povo, em vez de prosseguir ilegalmente com seus programas de mísseis nucleares e balísticos", manifestou.

O míssil balístico intercontinental (ICBM) lançado na sexta-feira pela Coreia do Norte percorreu cerca de 1.000 quilômetros e alcançou mais de 3.700 quilômetros de altura, o que faz especialistas pensarem que pode atingir boa parte do território dos Estados Unidos.

Em resposta ao lançamento norte-coreano, o Pentágono realizou no domingo, com sucesso, um novo teste do escudo antimísseis THAAD no estado do Alasca.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos