Londres esclarece que "Brexit" terminará com livre circulação

Londres, 31 jul (EFE).- O governo britânico esclareceu nesta segunda-feira que as recentes especulações de que a livre circulação de pessoas pela União Europeia (UE) continuará em vigor uma vez que o Reino Unido execute o "Brexit" são "equivocadas".

Um porta-voz de Downing Street - residência e escritório oficial da primeira-ministra, Theresa May - falou hoje sobre as declarações feitas na sexta-feira pelo titular de Finanças, Philip Hammpond, que disse que implementar controles à livre circulação após o "Brexit" levaria "algum tempo".

Estas palavras suscitaram especulações de que o livre trânsito pela UE continuaria permitido após a saída do bloco comunitário por parte deste país, prevista para março de 2019, durante um período transitório de três anos.

Em vista das diferenças de enfoque em relação ao "Brexit" no seio do gabinete de May, Downing Street esclareceu hoje que "seria errado sugerir que (a livre circulação) continuará como está agora".

Nos últimos dias os meios de comunicação locais deram conta da incerteza que rodeia as futuras políticas de imigração neste país se for implementada uma fase de transição após o "Brexit".

O mesmo porta-voz oficial indicou, além disso, que na semana passada foram detalhados os planos do governo para criar um sistema de registro para os migrantes.

Neste domingo, o ministro de Comércio Internacional, Liam Fox, também disse que o gabinete não fechou nenhum acordo que permita a livre circulação de trabalhadores durante três anos após executar-se o "Brexit", tal como tinha insinuado Hammond.

Em uma entrevista ao dominical "The Sunday Times", Fox se referiu aos comentários do titular de Finanças e opinou que um acordo dessas características "não manteria a fé" com o resultado do referendo de 23 de junho de 2016, que definiu a saída do Reino Unido da UE.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos