México desmente Trump sobre conversa com Peña Nieto por telefone

Cidade do México, 31 jul (EFE).- A Secretaria de Relações Exteriores do México desmentiu nesta segunda-feira, em comunicado, uma afirmação do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre um telefonema realizado pelo presidente do país, Enrique Peña Nieto.

Trump disse hoje que seu novo chefe de gabinete, John Kelly, fez um "trabalho milagroso" em cerca de seis meses no comando do Departamento de Segurança Nacional, especialmente na redução da imigração na fronteira com o México.

Segundo Trump, a queda dessa imigração foi de 80%. Por esse motivo, Peña Nieto teria telefonado para ele para dizer que "muitas poucas pessoas estão tentando cruzar a fronteira porque sabem que não conseguirão fazê-lo".

"O presidente Enrique Peña Nieto não telefonou recentemente para o presidente Donald Trump", afirmou a Secretaria de Relações Exteriores em nota, desmentindo o líder norte-americano.

O órgão indicou que o tema de imigração foi abordado por ambos durante um encontro realizado em Hamburgo, na Alemanha, em julho.

Segundo o governo mexicano, Peña Nieto citou a queda de 31% das repatriações de mexicanos feita pelos EUA no período de janeiro a junho de 2017 em comparação com o mesmo período do ano passado.

Além disso, o presidente mexicano destacou, segundo a Chancelaria do país, que a migração da América do Sul e Central para o México caiu 47% na comparação anual no mesmo período.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos