Médico de família é acusado de 118 crimes de caráter sexual no Reino Unido

Em Londres

  • Getty Images/iStockphoto

Um médico de família de Londres, no Reino Unido, foi acusado formalmente de 118 delitos de caráter sexual, um deles cometido contra uma menor de 13 anos, confirmou nesta quinta-feira à agência de notícias Efe uma fonte da polícia.

O doutor Manish Shah, de 47 anos, estava registrado no Serviço de Saúde Pública (NHS, sigla em inglês) britânico e tinha um consultório no leste da capital.

Segundo a Polícia Metropolitana de Londres (Met), que começou a investigar esse indivíduo há quatro anos, o homem enfrenta 65 acusações de crimes por "agressão com penetração" e 52 de "agressão sexual".

Shah também terá que responder por outra acusação de agressão sexual contra uma menor de 13 anos.

As supostas agressões contra 54 pessoas foram cometidas, segundo as vítimas, em seu consultório médico entre junho de 2004 e julho de 2013.

O acusado terá que comparecer no próximo dia 31 a um tribunal de Barkingside.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos