Promotoria do Equador expressa "preocupação" com Venezuela

Quito, 5 ago (EFE).- A Promotoria-Geral do Equador expressou neste sábado sua "preocupação" com o que aconteceu com a instituição homóloga na Venezuela, onde Luisa Ortega Díaz foi destituída e substituída por Tarek William Saab.

Em um comunicado, a Promotoria expressa sua "preocupação" após apontar que o faz "com absoluto respeito à soberania e independência dos assuntos de política interna dos Estados".

O órgão diz que o trabalho dos ministérios públicos "deve acontecer com absoluta independência e longe de qualquer forma de pressão política, midiática ou de poderes".

"As nossas instituições, que integram as funções da administração de justiça, tem responsabilidades que não podem ser submetidas a interesses econômicos, políticos, midiáticos e menos ainda partidários", apontou a instituição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos