China declara emergência por terremoto de magnitude 7 graus no centro do país

Pequim, 8 ago (EFE).- A China declarou estado de emergência após um terremoto de magnitude 7 graus na escala Richter ter sacudido nesta terça-feira o vale de Jiuzhaigou, uma região muito visitada por turistas no centro do país.

O tremor, um dos mais potentes registrados na China nos últimos anos, teve seu epicentro em uma profundidade de 20 quilômetros, segundo o Centro de Redes Sismológicas da China.

Testemunhas do terremotos ouvidos pela agência oficial "Xinhua" informaram que várias casas da região foram destruídas. Outras sofreram danos de diferentes intensidades.

Por esse motivo, as autoridades locais iniciaram uma operação para retirar a população das regiões mais afetadas pelo sismo.

Em áreas mais afastadas do epicentro, mas ainda na província de Sichuan, onde está o vale de Jiuzhaigou, várias pessoas deixaram suas casas com medo de desabamentos. Vários moradores registraram cortes no serviço telefônico.

O tremor foi sentido até na capital da província, Chengdu, que fica 300 quilômetros ao sul do epicentro.

Jiuzhaigou é um vale famoso por suas cataratas. Só neste ano, 38 mil pessoas tinham visitado a região.

As autoridades iniciaram um dispositivo de emergência com nível máximo de alerta e enviaram equipes de resgate ao local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos