Putin chega à Abecásia no aniversário da guerra pela Ossétia do Sul

Moscou, 8 ago (EFE).- O presidente da Rússia, Vladimir Putin, chegou à república separatista da Abecásia, no norte da Geórgia, nesta terça-feira, dia do nono aniversário da guerra russo-georgiana pelo controle da Ossétia do Sul.

Putin se reuniu na cidade de Pitsunda, na costa do mar Negro, com o líder abecásio, Raul Khajimba, com quem assinará vários acordos bilaterais.

Em virtude de um deles, os abecásios residentes em território russo poderão receber assistência médica.

Antes de ser confirmada a chegada do chefe do Kremlin à Abecásia, o presidente da georgiano, Giorgi Margvelashvili, tachou a visita de "uma tentativa completamente inútil de legitimar a injustiça histórica e de justificar a ocupação e a divisão da Geórgia".

"Nenhum georgiano jamais reconhecerá a ocupação. Conseguiremos o restabelecimento das integridades territoriais da Geórgia", acrescentou.

Esta é a segunda visita de Putin a esta república, de apenas 250 mil habitantes. A primeira foi em 2013, cinco anos após a guerra na Ossétia do Sul.

Por usa vez, o primeiro-ministro da Rússia, Dmitri Medvedev, defendeu nesta terça-feira sua decisão em 2008 de enviar tropas à Ossetia do Sul em defesa da população local, que em sua maioria tinha cidadania russa.

Após expulsar as tropas georgianas da região, o Kremlin reconheceu a independência da Abecásia e da Ossétia do Sul, decisão que foi massivamente condenada pela comunidade internacional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos