Militares que se rebelaram contra Maduro são declarados "traidores da pátria"

Em Caracas

  • Xinhua/Presidência da Venezuela

A Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) da Venezuela declarou nesta quarta-feira "traidores da pátria" os dois militares que no domingo passado se rebelaram contra o presidente Nicolás Maduro e comandaram o ataque a uma brigada blindada no centro-norte do país.

O chefe do Comando Estratégico Operacional da FANB, Remigio Ceballos, disse que, com prévia autorização do chefe de Estado, a instituição militar declarava traidores o ex-capitão da Guarda Nacional Bolivariana (GNB), Juan Carlos Caguaripano Scott, e o primeiro-tenente do exército, Jefferson García dos Ramos.

Em uma instalação militar, dezenas de uniformizados expressaram seu repúdio aos "traidores", a quem recriminaram por ter cometido um ato "terrorista, paramilitar e mercenário", e também os qualificaram como "inimigos da FANB e do povo".

"Declaramos também todo grupo armado, terrorista, paramilitar e mercenário inimigo da pátria, inimigo da nossa gloriosa FANB e todos aqueles que utilizem as suas armas contra o Estado venezuelano, e ofendam a honra militar", acrescentou Ceballos em sua enérgica declaração.

Depois, o comandante geral do exército, Jesús Suárez Chourio, considerou que o ataque, executado pelos dois insurgentes junto a 20 pessoas vestidas de militares, foi uma ação "dos inimigos da pátria".

"Fomos objeto de uma traição. O primeiro tenente se fez cúmplice deste ataque terrorista contra a honra militar. Está em fuga, está sendo procurado ativamente pelas nossas forças especiais", assegurou.

O chefe militar pediu que García se entregue "voluntariamente para prestar contas à Justiça venezuelana", e lhe prometeu que terá um "julgamento justo" com respeito aos seus direitos humanos.

Os insurgentes roubaram armas da brigada 41 do forte Paramacay, no estado de Carabobo, e fugiram junto a um grupo de cúmplices, sendo que dois deles foram mortos por militares fiéis ao governo e outros sete acabaram detidos.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos