Choque entre trens mata 37 pessoas e deixa 130 feridos no Egito

(Atualiza número de vítimas e acrescenta informações).

Cairo, 11 ago (EFE).- Um choque de trens nos arredores de Alexandria, no litoral norte do Egito, deixou nesta sexta-feira pelo menos 37 mortos e 130 feridos, informaram fontes oficiais.

O acidente aconteceu na região de Korshed, perto da estação ferroviária do município de Abis, segundo informou a agência oficial "Mena".

Os feridos foram levados por ambulâncias a hospitais de Alexandria, a segunda maior cidade do Egito, segundo informou o porta-voz do Ministério de Saúde e Moradia, Khaled Mujahid, citado pela agência.

Um trem da linha Cairo-Alexandria bateu atrás de um trem da linha Port Said-Alexandria perto da estação da cidade de Abis, ao leste de Alexandria.

Como resultado do choque, a locomotiva do primeiro trem e dois vagões de fila do segundo tombaram, segundo fontes da Autoridade de Ferrovias citada pela "Mena".

O governador de Alexandria, Mohamed Soltan, disse ao jornal oficial "Al Ahram "que as investigações iniciais sugerem que um dos maquinistas foi responsável pelo acidente por não ter visto um sinal.

O maquinista do trem do Cairo se entregou à polícia e foi levado à delegacia para ser submetido a um interrogatório, segundo a mesma fonte.

No entanto, testemunhas citadas pelo jornal "Al Masry al Yum" asseguraram que o trem procedente de Port Said estava em péssimo estado e parou de forma repetida em estações onde não deveria parar.

O procurador-geral do Egito, Nabil Sadiq, ordenou a abertura imediata de uma investigação das causas do acidente, o mais grave ocorrido no país desde 2012.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos