ONU pede que todas as partes reduzam tensão em torno da Coreia do Norte

Nações Unidas, 11 ago (EFE).- A ONU reiterou nesta sexta-feira sua preocupação pela troca de ameaças entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos e pediu que todas as partes "reduzam a tensão".

"Este é o momento de todas as partes se concentrarem em e reduzir a tensão", disse aos jornalistas Stéphane Dujarric, porta-voz do secretário-geral da organização, António Guterres.

Segundo Dujarric, a ONU continua "preocupada" com a "retórica" vista nos últimos dias e quer que as ações ocorram dentro da "diplomacia".

Segundo o porta-voz, a organização acredita que o caminho é a resolução aprovada no último fim-de-semana pelo Conselho de Segurança, que ampliou as sanções à Coreia do Norte por seus testes com mísseis.

"Está claro que a Coreia do Norte tem algumas obrigações e tem que cumpri-las", disse Dujarric, insistindo que a diplomacia é a melhor via.

Guterres, que está descansando na Europa, ainda não se pronunciou pessoalmente sobre a crise e transmitiu todas as suas mensagens através de seu porta-voz.

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse nesta sexta-feira que as opções militares do seu país estão prontas, caso a Coreia do Norte decida agir de forma "imprudente".

O regime de Pyongyang afirmou nesta quinta-feira que prepara um plano para disparar em meados de agosto mísseis de médio alcance perto das águas territoriais da ilha de Guam, sede de uma base naval estratégica americana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos