Secretário-geral da ONU pede pede fim da violência após eleições no Quênia

Nova York, 12 ago (EFE).- O secretário-geral da ONU, António Guterres, pediu neste sábado o fim da violência pós-eleitoral no Quênia, confrontos que se iniciaram depois da confirmação da reeleição do presidente Uhuru Kenyatta.

Guterres, que parabenizou os quenianos pelo pleito pacífico da última terça-feira, pediu aos líderes políticos que se enfrentaram nas urnas que peçam aos seus simpatizantes que ponham vinham à violência pós-eleitoral, que já provocou dezenas de mortes.

Os protestos contra a eleição continuaram neste sábado com confrontos entre as forças de segurança e os manifestantes, que desde ontem, quando foram anunciados os resultados oficiais, protestam contra a reeleição de Kenyatta. A oposição não reconhece o triunfo do presidente e considera que houve fraude.

Em comunicado divulgado por seu porta-voz, o secretário-geral da ONU destacou a importância do diálogo para acalmar as tensões.

A Super Aliança da Nação (NASA), principal grupo de oposição e liderado pelo candidato derrotado à presidência, Raila Odinga, pediu mais informações sobre um suposto ciberataque que teria comprometido os resultados do pleito.

A comissão eleitoral desmentiu o incidente, garantindo que não havia registro de nenhuma interferência externa, mas depois voltou atrás e admitiu que houve uma tentativa de ataque de hackers. No entanto, ressaltou que eles não tiveram sucesso.

Guterres pediu, além disso, que os que não estão de acordo com os resultados das eleições usem as instituições previstas na constituição para contestar a apuração.

O secretário-geral lembrou que a ONU, em estreita colaboração com a União Africana e outros parceiros, está totalmente comprometida com a liderança política do Quênia para facilitar uma conclusão pacífica do processo pós-eleitoral.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos