Com urnas fechadas, governo da Argentina celebra participação nas primárias

Buenos Aires, 13 ago (EFE).- Os centros de votação da Argentina fecharam às 18h locais (mesmo horário em Brasília) desde domingo, dia em que os cidadãos do país definem os candidatos que disputarão as eleições legislativas do próximo dia 22 de outubro.

Cerca de 33 milhões de argentinos estavam autorizados a votar nas eleições primárias de hoje, que teve uma participação superior a 74%, segundo o governo do país, que comemorou a grande presença dos eleitores nas urnas. Os primeiros resultados devem começar a ser divulgados por volta de 21h.

Pouco depois do fechamento das urnas, o ministro do Interior, Rogerio Frigerio, disse em um breve discurso que houve uma "grande participação dos cidadãos" e informou o índice de 74% de presença.

"Temos que fazer vários agradecimentos. Primeiro aos argentinos, aos cerca de 200 mil mesários, aos 100 mil agentes das forças de segurança, e ao Comando Eleitoral", disse Frigerio.

Todas as atenções estão sobre a província de Buenos Aires, maior distrito eleitoral e que reúne 37% dos votos do país.

As primárias definem os candidatos do pleito legislativo de 22 de outubro, no qual serão renovados metade dos 257 deputados e um terço dos 72 senadores do país.

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, também celebrou que as eleições tenham ocorrido com "normalidade".

"Espero que todos os argentinos se expressem com alegria em favor da mudança que estamos fazendo", disse Macri após votar em um centro de votação no bairro de Palermo, em Buenos Aires.

Essa é a quarta vez que a Argentina realiza primárias desde que o sistema foi aprovado em 2009.

Macri participou ativamente da campanha especialmente na província de Buenos Aires, onde sua antecessora, a ex-presidente Cristina Kirchner, tenta disputar uma vaga para o Senado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos