PUBLICIDADE
Topo

Bélgica investiga ataque com faca em Bruxelas como ato terrorista

25/08/2017 20h20

Bruxelas, 25 ago (EFE).- Autoridades da Bélgica anunciaram que investigam o ataque cometido nesta sexta-feira por um homem armado com uma faca a três soldados no centro de Bruxelas como um ato terrorista.

O agressor foi identificado como um somali de cerca de 30 anos que, segundo a rede de televisão pública "RTBF", tinha antecedentes por crimes comuns. Ele foi morto por militares após o ataque, o qual cometeu sozinho, aos gritos de "Alá é grande", na avenida Emile-Jacqmain, segundo a polícia da capital belga.

O criminoso causou ferimentos leves em um dos soldados que patrulhavam a região.

O Ministério Público será o órgão responsável por informar detalhes sobre o ataque nos próximos dias, segundo as autoridades.

A polícia montou um amplo esquema de segurança em torno do local do crime e informou que a situação está "sob controle".