Presidentes de Peru e Bolívia abrem terceira reunião ministerial binacional

Lima, 1 set (EFE).- Os presidentes do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, e da Bolívia, Evo Morales, abriram nesta sexta-feira a terceira reunião ministerial binacional para discutir políticas e projetos de integração entre os dois países.

No início do encontro, realizado no Palácio de Governo de Lima, Kuczynski afirmou que o planalto andino, onde está a fronteira entre Bolívia e Peru, é uma região única. Por esse motivo, destacou a necessidade de os governos dos dois países trabalharem juntos.

Já Morales disse que bolivianos e peruanos são "dois povos irmãos", com a mesma história, e cujas autoridades compartilham muitas responsabilidades em promover políticas de integração.

"Só estamos recuperando o que fizeram nossos antepassados. Se complementavam na questão da irmandade e da solidariedade. É o nosso compromisso atender às famílias mais abandonadas e esquecidas", destacou o presidente boliviano em discurso.

Os ministros discutirão, entre outros temas, a possibilidade de a carga comercial boliviana passar pelo porto peruano de Ilo e também o megaprojeto de construção de uma ferrovia biocêanica, que sairia da costa do Atlântico, no Brasil, até o Pacífico, no Peru, passando pela Bolívia.

Outros temas de debate serão o processo de modernização da Autoridade Binacional Autônoma do Sistema Hídrico do Lago Titicaca, o lago navegável mais alto do mundo e que serve de fronteira entre os dois países. EFE fgg/lvl

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos