Xi e Putin se reúnem na China após novo teste nuclear norte-coreano

(Atualiza com mais informações sobre o encontro).

Xiamen (China), 3 set (EFE).- O presidente chinês, Xi Jinping, manteve neste domingo na cidade de Xiamen um encontro bilateral com o mandatário russo, Vladimir Putin, pouco depois da confirmação do sexto teste nuclear da Coreia do Norte.

Na reunião, os dois líderes discutiram uma coordenação de esforços para "lidar com a nova situação", criada a partir de mais um teste. Ambos concordaram em "continuar com o objetivo de uma península da Coreia desnuclearizada", veiculou a agência de notícias "Xinhua".

Xi Jinping ainda pediu para Putin que os dois países trabalhem lado a lado para "promover a paz e o desenvolvimento mundial".

"Faremos tudo o que estiver em nossas mãos para que a cúpula seja realizada ao mais alto nível", destacou Putin no encontro, o quarto entre os governantes neste ano.

Paralelamente a esta reunião, os ministérios de Relações Exteriores chinês e russo condenaram o teste nuclear atômico conduzido hoje pelo vizinho regime de Kim Jong-un.

Pequim pediu a Pyongyang que respeite as resoluções do Conselho de Segurança da ONU, "deixe de tomar decisões equivocadas" e volte "de forma real ao caminho do diálogo".

A Rússia classificou o teste norte-coreano de "séria ameaça para o mundo" e insistiu que todas as partes envolvidas no conflito na península da Coreia devem voltar a conversar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos