Papa embarca para Colômbia e pede oração para a Venezuela

A bordo do avião papal, 6 set (EFE).- O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira, a bordo do avião no qual viaja para Bogotá, que trata-se de uma viagem "um pouco especial" porque "ajudará também a Colômbia a seguir adiante".

Pouco após decolar rumo ao país sul-americano, Francisco fez essa declaração aos 72 jornalistas que o acompanham no voo.

O pontífice argentino viaja para a Colômbia após a assinatura dos acordos de paz entre o Governo e a guerrilha das Farc e após o anúncio de um cessar-fogo do Exército de Liberdade Nacional (ELN).

Além disso, o papa Francisco disse hoje que acredita no "diálogo" na Venezuela e que o país encontrará "uma boa estabilidade".

O pontífice argentino lembrou que sobrevoará a Venezuela e fará uma oração por esse país.

Após agradecer aos jornalistas "pela companhia" e pelo trabalho "que farão" nesta viagem, pediu que o grupo fizesse uma oração.

Francisco chegará às 16h30 local (18h30, em Brasília) ao aeroporto da área militar (CATAM) e permanecerá neste país até o próximo domingo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos