Governo dos EUA suspende operações de imigração nas áreas atingidas pelo Irma

Washington, 7 set (EFE).- O governo dos Estados Unidos suspendeu as operações de imigração nas áreas atingidas pelo furacão Irma, que se dirige para o sul do estado da Flórida, informou nesta quinta-feira o porta-voz do Departamento de Segurança Nacional, Dave Lapan.

Em entrevista coletiva concedida em Washington, Lapan garantiu que a prioridade é "salvar vidas", por isso, os agentes de imigração suspenderam atividades rotineiras, ainda que, segundo o porta-voz, seguirão atentos.

"Se há atividades criminosas, não é algo que iremos ignorar. As leis não estão suspensas", disse.

O furacão Irma, catalogado por especialistas Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC) como "extremamente perigoso", avança pelas águas do Caribe, após passar devastadoramente pelas Pequenas Antilhas, Porto Rico e se aproximar de Cuba, Bahamas e sul da Flórida.

Diante da iminente chegada, o Departamento de Segurança Nacional ordenou que os imigrantes detidos em quatro instalações da Flórida fossem evacuados. Todos foram transferidos de maneira temporária para outros centros de detenção.

O governo americano já havia tomado medidas semelhantes quando o ciclone Harvey atingiu, no início do mês, a Louisiana e o Texas, estado em que causou "inundações catastróficas", especialmente em Houston.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos