May expressa respaldo do Reino Unido ao parlamento opositor da Venezuela

Londres, 7 set (EFE).- A primeira-ministra do Reino Unido, a conservadora Theresa May, expressou nesta quinta-feira seu respaldo à Assembleia Nacional da Venezuela, controlada pela oposição, e pediu que o governo do país latino-americano mantenha "a separação de poderes e a integridade das instituições democráticas".

A chefe de governo britânica se reuniu em Downing Street, sua residência oficial em Londres, com o presidente da Assembleia Nacional, Julio Borges, e Antonieta Mendoza, mãe do opositor venezuelano Leopoldo López, em detenção domiciliar.

"O encontro de hoje constitui um sinal inequívoco que o Reino Unido continua trabalhando com os nossos parceiros internacionais para pressionar às autoridades a fim de que façam diminuir a tensão na Venezuela e evitem que o país continue se afastando da democracia", afirmou May após o encontro.

A primeira-ministra sublinhou o "apoio inquebrantável" de Londres para a Assembleia Nacional como "instituição democrática" na Venezuela, após a transferência das competências legislativas à Assembleia Constituinte, com a rejeição do parlamento opositor.

"Uma vez mais, solicito que o governo venezuelano respeite os direitos humanos, o império da lei, a separação de poderes e a integridade das instituições democráticas", disse May.

A governante britânica se mostrou também "preocupada" pela detenção de "presos políticos como Leopoldo López", que permanece em prisão domiciliar após mais de três anos em um presídio militar.

"A sua longa detenção e as ações das autoridades venezuelanas para evitar que sua esposa viaje à Europa são motivo de uma profunda preocupação", ressaltou May.

Lilian Tintori, esposa do politico opositor venezuelano, pretendia participar da viagem à Europa junto com Borges, mas o governo venezuelano impediu a sua saída do país.

Tintori foi convocada por um tribunal para ser indiciada pelo achado de 200 milhões de bolívares (mais de US$ 60.000, segundo a taxa de referência oficial) em seu veículo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos