Papa viaja para Villavicencio para beatificações e ato de reconciliação

Bogotá, 8 set (EFE).- O papa Francisco viaja nesta sexta-feira a Villavicencio, um dos locais da sua visita à Colômbia, onde permanecerá até domingo, para beatificar dois religiosos colombianos e presidir o ato de reconciliação após o processo de paz no país.

Villavicencio foi a cidade escolhida por ter sido das mais afetadas pela violência durante os 53 anos de conflito armado no país, mas também um lugar símbolo da beleza natural da Colômbia.

Francisco chegará às 8h30 (horário local, 10h30 em Brasília) à base aérea Luis Gómez Niño-Apiay, onde receberá as chaves da cidade e haverá um espetáculo com danças e cantos populares.

Ele rezará uma missa em Catama, na qual serão beatificados Pedro María Ramírez Ramos, assassinado na revolta em Armero em 1948; e o bispo Jesús Emilio Jaramillo Monsalve, assassinado pelo ELN em 1989.

Após almoçar, será o momento do grande ato da viagem, o encontro de oração pela reconciliação nacional no Parque Las Malocas e do qual participarão minorias indígenas, vítimas da violência, paramilitares e ex-membros da guerrilha das FARC.

Haverá quatro testemunhos e depois Francisco lerá um discurso e se fará uma oração e uma bênção final.

O dia termina com uma parada do papa à frente da cruz da reconciliação no Parque dos Fundadores, onde existe uma placa com o número de vítimas de sequestros, assassinatos e das minas nesta região durante o conflito armado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos