Papa se despede da Colômbia pedindo abraços de paz e fim da violência

Cartagena (Colômbia), 10 set (EFE).- O papa Francisco se despediu neste domingo da Colômbia, após uma visita de cinco dias, com um pedido para que haja entre os colombianos abraços de paz e o fim da violência.

"Colômbia, teu irmão precisa de você, vá ao seu encontro levando o abraço de paz, livre de toda violência, escravos da paz, para sempre", afirmou o papa após celebrar uma missa na cidade de Cartagena das Índias, seu último ato nesta visita.

Francisco agradeceu o esforço e a colaboração para a realização desta viagem, em uma mensagem ao terminar a missa perante centenas de milhares de pessoas na zona portuária da cidade.

"São muitos os que colaboraram dando o seu tempo e a sua disponibilidade. Foram dias intensos e formosos, nos quais pude encontrar tantas pessoas e conhecer tantas realidades que me tocaram o coração. Os senhores me fizeram muito bem", disse o pontífice.

"Queridos irmãos, quero deixar uma última palavra: não fiquemos em 'dar o primeiro passo', mas sigamos caminhando lado a lado a cada dia para ir ao encontro do outro, em busca da harmonia e da fraternidade. Não podemos ficar parados", pediu.

Francisco lembro que São Pedro Claver, que se ocupou dos escravos que chegavam da África à Colômbia, "não ficou parado, e após o primeiro passo vieram outros e outros".

"Seu exemplo nos faz sair de nós mesmos e ir ao encontro do próximo", concluiu.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos