Governador afirma que dano causado por "Irma" em Flórida Keys é "horrível"

Miami, 11 set (EFE).- O governador da Flórida, Rick Scott, classificou nesta segunda-feira como "horrível" o dano ocasionado pela agora tempestade tropical "Irma" no arquipélago de Flórida Keys após realizar um sobrevoo por essas ilhas do extremo sul dos Estados Unidos, por onde a formação natural entrou em forma de furacão no país.

"O meu coração está com as pessoas de Flórida Keys", assegurou Scott em uma entrevista coletiva no condado de Miami-Dade.

O governador apontou que este arquipélago enfrenta "um longo caminho para a recuperação" perante a quantidade de estragos provocados por "Irma" na madrugada de domingo.

Scott detalhou que, diferente de outras áreas do estado afetadas, no arquipélago parece estar tudo de pernas pro ar: tetos, árvores, fios elétricos e embarcações.

Da mesma forma, lamentou a emergência que estas ilhas enfrentam perante a carência do fornecimento normal dos serviços básicos de energia, água e rede de esgoto.

Por outro lado, segundo Scott, os danos ao longo da costa oeste da Flórida, por onde "Irma" seguiu seu caminho de destruição durante o domingo, não foram tão graves "como tinha pensado".

O governador lembrou a grave emergência que se viveu há 25 anos quando o furacão "Andrew" causou em 1992 a morte de 26 pessoas no sul da Flórida.

Scott sobrevoou nesta manhã o arquipélago de Flórida Keys para avaliar em primeira mão os estragos provocados por "Irma", que já se debilitou para a condição de tempestade tropical após entrar no estado da Geórgia.

A previsão é que a tempestade se degrade para depressão tropical já na terça-feira, segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos EUA.

"Irma" tocou terra duas vezes no domingo passado. A primeira, no arquipélago Flórida Keys como furacão de categoria 4. Na segunda vez, impactou sobre Marco Island, na costa sudoeste do estado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos