Líder do movimento xiita Hezbollah afirma ter vencido guerra na Síria

Beirute, 12 set (EFE).- O líder do movimento xiita libanês Hezbollah, o xeque Hassan Nasrala, afirmou nesta terça-feira que seu grupo "ganhou a guerra na Síria "e "está escrevendo a história da região" do Oriente Médio, segundo a televisão libanesa "Al Manar".

O canal filiado ao Hezbollah transmitiu as declarações de Nasrala perante um grupo de religiosos muçulmanos, aos quais assegurou que sua missão na Síria foi "frutífera" e "a vitória muda a situação a favor da 'umma'(comunidade muçulmana)".

"São os nossos mártires, os nossos mutilados, os nossos detidos e o nosso povo que muda a equação e escreve a história da região e não só a do Líbano", destacou o xeque.

"A batalha contra o Estado Islâmico e a Frente al Nusra (ex-filial síria da Al Qaeda) foi a maior prova à qual enfrentamos desde 2010", acrescentou Nasrala em referência às recentes ofensivas contra ambas organizações jihadistas em território libanês e sírio, nas quais o Hezbollah participou.

Além disso, revelou que ao começo do conflito na Síria visitou o Irã, onde obteve o respaldo do líder supremo, Ali Khamenei, para intervir no país árabe, aliado de Teerã.

"Esta batalha foi bendita e fomos à Síria para cumprir com o nosso dever (...) ainda que alguns no Líbano não estarão satisfeitos pelo o que fizemos", concluíu o líder do movimento que desempenhou um papel destacado na disputa síria desde seu início em 2011.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos