Mulher é detida no Marrocos com 1,4 kg de cocaína no estâmago e na roupa

Rabat, 13 set (EFE).- A polícia marroquina deteve no final de semana uma cidadã espanhola no aeroporto internacional Mohamed VI, de Casablanca, com 1,49 kg de cocaína distribuídos no estômago e na roupa, informaram nesta quarta-feira fontes policiais.

No total, a droga estava repartida em 128 cápsulas e a mulher tinha ingerido 63 delas. As outras estavam camufladas em sua roupa íntima, disseram as fontes através da agência marroquina "MAP".

A espanhola, de 39 anos de idade e origem congolesa, foi detida no sábado e levada ao Hospital Ibn Rochd de Casablanca para extrair as cápsulas do estômago, explicaram as fontes, que acrescentaram que a detida está à disposição da polícia para esclarecer as circunstâncias do crime.

Quase todas as detenções de pessoas que traficam cocaína neste terminal costumam proceder de São Paulo. No Marrocos, elas fazem escala para continuar viagem a um país europeu ou africano.

Este voo, o único que conecta um país sul-americano com o Marrocos, se transformou em uma "rota" para pequenos traficantes sul-americanos e africanos que trazem cocaína desde o Brasil para distribuí-la em países da África e na Espanha.

No domingo, uma cidadã brasileira de 43 anos e sua filha de 22 foram detidas no aeroporto de Casablanca com 81 cápsulas que continham 790 gramas de cocaína.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos