Governador de Porto Rico: "Tempestade tropical María é uma ameaça séria"

San Juan, 16 set (EFE).- O governador de Porto Rico, Ricardo Rosselló, disse neste sábado que a tempestade tropical María, que poderia se tornar um furacão na semana que vai começar, é uma "ameaça séria" e poderia atravessar o território.

Em declarações para a imprensa quando visitava e dava apoio na base aérea Muñiz para cerca de 300 soldados da Guarda Nacional de Porto Rico, Rosselló acrescentou que a tempestade María pode trazer consigo chuvas "torrenciais".

A maioria dos soldados visitados por Rosselló foram enviados logo depois, para St. Tomas, nas Ilhas Virgens Americanas, para ajudar nas tarefas de reconstrução da ilha, afetada pela recente passagem do furacão Irma.

Rosselló acompanhou o ajudante geral da Guarda Nacional, Isabelo Rivera, para oferecer apoio aos citados soldados e antecipou detalhes sobre a preparação governamental diante da proximidade do novo fenômeno climático.

"Temos que nos preparar porque pode ser uma tempestade que suba a furacão categoria 1 ou 2 e há previsão de muita chuva", disse Rosselló.

O Comitê de Emergência do governo fez uma reunião executiva para conhecer detalhes da tempestade que poderia chegar à ilha em forma de furacão, enquanto que a equipe de trabalho de Rosselló se reunirá para traçar as estratégias a serem postas em prática para enfrentar esta nova tempestade.

A 15ª depressão tropical da atual temporada de ciclones do Atlântico que se formou hoje a leste das Pequenas Antilhas se fortaleceu nas últimas horas e se converteu na tempestade tropical María, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos