Ataque com explosivos em escola no Iraque deixa 8 mortos e 16 feridos

Erbil (Iraque), 17 set (EFE).- Pelo menos oito pessoas morreram, cinco delas membros de milícias governamentais, e outras 16 ficaram feridas devido a um ataque com explosivos em uma escola no oeste de Mosul, capital da província de Nínive, no Iraque.

O porta-voz da polícia local, Mazen al Ahmadi afirmou que a escola estava sendo usada pelas milícias como campo de treinamento. Já uma outra fonte da corporação disse que jihadistas do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) haviam colocado explosivos no centro educacional antes de deixar a cidade, e que no momento da detonação eram realizados treinos de combate.

Ahmadi acrescentou que os feridos são na maioria milicianos, que foram levados a um hospital de Mosul para receber atendimento.

Além disso, ontem à noite quatro pessoas morreram e 18 ficaram feridas em dois ataques na província de Diyala, no centro do Iraque e a oeste de Mosul, segundo o Ministério do Interior.

O primeiro ataque foi cometido por um terrorista suicida do Estado Islâmico e causou a morte de dois policiais e um civil. Já no segundo atentado, sete pessoas ficaram feridas, entre elas três policiais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos