Senado dos EUA aprova Noel Francisco como advogado-geral de Trump

Washington, 19 set (EFE).- O Senado dos Estados Unidos aprovou nesta terça-feira o nome de Noel Francisco como advogado-geral, um cargo no qual defenderá o governo do presidente Donald Trump nos tribunais.

Com uma votação totalmente dividida, com 50 votos a favor e 47 contra, Francisco não contou com o respaldo dos democratas, que questionam sua independência por ter se oposto em várias ocasiões a assuntos impulsionados pelo governo do ex-presidente Barack Obama (2009-2017).

Sua chegada ao Departamento de Justiça aliviará a intensa agenda do procurador-geral, Jeff Sessions, que teve que enfrentar intensas batalhas nos tribunais federais contra várias das ordens executivas de Trump, cuja constitucionalidade foi colocada em dúvida.

"Aplaudo o Senado por finalmente confirmar Noel Francisco como advogado-geral dos Estados Unidos", disse Sessions em um comunicado após saber da aprovação.

"Noel é um advogado brilhante e de princípios com um excelente histórico de trabalho de apelação. A sua reputação de análise hábil e de defesa clara e contundente é indiscutível e foi um defensor constante do império da lei e um firme defensor da Constituição", acrescentou.

Francisco, nomeado pelo presidente no último mês de março para o posto, é um advogado oriundo de Oswego (Nova York) que defendeu causas conservadoras e que, desde 23 de janeiro, pouco após a chegada de Trump ao poder, exercia seu novo cargo de forma interina.

De origem filipina, sua carreira começou no final dos anos 90 após doutorar-se em jurisprudência na Universidade de Chicago.

Entre 2001 e 2003 trabalhou como advogado para a Casa Branca durante a presidência de George W. Bush e entre 2003 e 2005 se integrou ao Escritório de Conselho Legal do Departamento de Justiça.

Recentemente trabalhou para o escritório de advogados Jones Day e ali defendeu três causas perante o Tribunal Supremo.

Uma delas representando entidades religiosas contra uma cláusula do "Obamacare", a lei sanitária promulgada por Obama, que obriga as empresas a contratar um seguro médico com cuidados anticoncepcionais para suas funcionárias.

Sendo a primeira pessoa com raízes asiáticas a ocupar o cargo de advogado-geral, Francisco terá que defender as medidas de Trump que recebam ou já receberam ações nos tribunais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos