Peña Nieto visita Jojutla, uma das áreas mais afetadas pelo terremoto

Cuernavaca (México), 20 set (EFE).- O presidente do México, Enrique Peña Nieto, viajou nesta quarta-feira para Jojutla, um dos municípios mais afetados pelo terremoto que abalou ontem o centro do país e deixou um saldo preliminar de 225 mortos.

O governador do estado de Morelos, Graco Ramírez, informou através do Twitter da chegada do governante a Jojutla "para apoiar os afetados pelo sismo" nessa região do país, onde se localizou o epicentro do terremoto de magnitude 7,1 na escala Richter.

Ramírez decretou hoje cinco dias de luto em Morelos, um estado que registrou até agora 69 mortos, segundo o governador, ainda que as autoridades federais elevem esse número para 71.

O politico do esquerdista Partido da Revolução Democrática (PRD) indicou que há 196 pessoas hospitalizadas como consequência do terremoto.

Ramírez destacou também que a área mais afetada do estado é justamente Jojutla, onde foi instalado um hospital provisório para atender às vítimas.

"Começamos a usar maquinaria para remover escombros nos municípios", afirmou Ramírez, que disse que, uma vez terminada a avaliação de danos e o censo dos afetados, o estado se concentrará na reconstrução das moradias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos