PUBLICIDADE
Topo

Internacional

ONU anuncia criação de equipe para investigar crimes do EI

21/09/2017 14h35

Nações Unidas, 21 set (EFE). - O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou nesta quinta-feira uma resolução para criar uma equipe especial para reunir provas com o objetivo de que o Estado Islâmico (EI) preste contas dos crimes que cometeu no Iraque.

A resolução, que foi aprovada por unanimidade no Conselho, marca os primeiros passos para que os líderes do EI respondam na Justiça pelos atos cometidos. O texto inclui os delitos "que possam constituir crimes de guerra, crimes contra a humanidade e genocídio". A declaração foi apresentada pelo Reino Unido.

O documento encarrega que a Secretaria Geral da ONU deve estabelecer uma equipe de investigação, dirigida por um assessor especial, "para apoiar os esforços nacionais dirigidos a exigir a prestação de contas" do EI. O trabalho será feito a partir de provas de atos reunidos e evitará que haja duplicação de esforços com outros órgãos do sistema das Nações Unidas. De acordo com o texto, a equipe trabalhará "com pleno respeito à soberania do Iraque".

Internacional