Interpol aprova entrada da Palestina como novo membro

Pequim, 27 set (EFE).- A Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol) aprovou, nesta quarta-feira, a entrada da Palestina no órgão com um apoio "esmagador" dos países-membros, informaram à Agência Efe fontes da delegação palestina.

A votação, que ocorreu durante a 86ª Assembleia Geral, que a agência internacional realiza hoje, em Pequim (China), contou com o apoio de 75 países-membros.

Por sua parte, 34 países se abstiveram e outros 24 votaram contra, entre eles Israel e Estados Unidos, que se opuseram desde um primeiro momento da entrada dos palestinos, que dá a seus agentes o mesmo reconhecimento na organização que o da polícia israelense.

A última tentativa para frear sua entrada foi feita ontem, quando os EUA apresentaram uma moção para paralisar o processo de admissão, que finalmente não foi aprovada pelo resto de países-membros.

A Palestina já tinha tentado ingressar na Interpol durante a última Assembleia Geral de Bali, na Indonésia, quando a votação sobre a sua admissão foi suspensa.

Então, o Ministério das Relações Exteriores e a polícia israelense se mostraram satisfeitos com a decisão, que consideraram um "sucesso e triunfo da diplomacia israelense".

A Palestina, que em 2012 foi admitida como "Estado observador" na ONU, esperava fazer parte da Interpol, dentro da sua estratégia de ganhar reconhecimento internacional, diante da estagnação do processo de paz com Israel e a falta de perspectiva de um acordo entre as duas partes.

Além disso, foi admitida como membro pela Unesco em 2011 e no Tribunal Penal Internacional em 2015.

A Assembleia Geral da Interpol também aprovou a incorporação das Ilhas Salomão, enquanto que Kosovo, que também tinha solicitado sua entrada, retirou a candidatura ontem por falta de apoio.

Com a entrada da Palestina e Ilhas Salomão, a organização é composta agora por 192 membros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos