Austrália instalará novo sistema antimísseis em futura frota de fragatas

Sydney (Austrália), 3 out (EFE).- A Austrália contará com um novo sistema antimísseis na sua futura frota de fragatas para repelir os ataques de países como a Coreia do Norte, informaram nesta terça-feira (data local) fontes governamentais.

"A decisão maximizará as capacidades aéreas das futuras fragatas e lhes permitirá fazer frente às ameaças dos mísseis de longo alcance", disse o primeiro-ministro da Austrália, Malcolm Turnbull.

Essa nova tecnologia, segundo o premiê, é "vital já que Estados criminosos estão desenvolvendo mísseis com alcance e velocidade avançadas", disse Turnbull em nota, sem citar a Coreia do Norte.

A decisão da Austrália é anunciada em meio à escalada de tensões na região após a intensificação dos testes nucleares e balísticos do regime de Kim Jong-un e os temores de um conflito militar.

Segundo os planos do governo australiano, nove fragas terão nos seus sistemas de combate uma interface tática para interceptar mísseis. Elas começarão a ser construídas apenas em 2020.

O projeto custará cerca de US$ 27,4 bilhões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos