Governos de América Latina e Caribe discutem formas de combater as drogas

Cidade da Guatemala, 2 out (EFE).- Representantes da América Latina e do Caribe começaram nesta segunda-feira uma reunião de cinco dias na Cidade da Guatemala para avaliar o avanço do combate e a prevenção ao consumo de drogas nessas regiões, informou o representante regional do Escritório das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (UNODC), Amado de Andrés.

Ele explicou que o objetivo da 27ª reunião dos chefes de Organismos Nacionais Encarregados de Combater o Tráfico de Drogas na América Latina e o Caribe (Honlea) é falar sobre formas de coordenar plataformas de comunicação para a aplicação da lei na América Latina e no Caribe.

Além disso, serão analisados os vínculos entre o tráfico de drogas e outras formas de crime organizado, como a lavagem de dinheiro, medidas para substituir a prisão e estratégias de redução das demandas de drogas. Os participantes da reunião também tentarão encontrar medidas práticas para prevenir o uso das drogas e a participação de crianças e jovens no crime.

"As drogas são uma ameaça para a segurança, a saúde pública e o conforto da população da América Latina e do Caribe", afirmou Andrés.

Ele ressaltou que é preocupante a ligação entre o narcotráfico e o crime eletrônico, que movimenta US$ 19 milhões pela internet e poderia alcançar os US$ 200 milhões.

O vice-presidente da Guatemala, Jafeth Cabrera, declarou que a reunião é muito relevante para o seu país e considerou que são "notáveis" as mudanças nas políticas contra as drogas.

"A Guatemala promoveu um debate franco sobre o problema mundial das drogas porque isso afeta de distintas formas os Estados e a região", explicou.

Segundo Cabrera, é necessário revisar constantemente as políticas e estratégias implementadas em nível regional para identificar e atualizar os desafios.

O Honlea é um mecanismo de consulta regional que foi criado para a América Latina pelo Conselho Econômico e Social das Nações Unidas, um dos seis órgãos da ONU.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos