Justiça do Equador decreta prisão preventiva do vice-presidente Jorge Glas

Quito, 2 out (EFE).- A Corte Nacional de Justiça do Equador decretou nesta segunda-feira a prisão preventiva do vice-presidente do país, Jorge Glas, atendendo a pedido da Promotoria-Geral por causa do suposto envolvimento do político no esquema de pagamento de propina da construtora brasileira Odebrecht.

O juiz Miguel Jurado, responsável pelo caso, também determinou a prisão preventiva de Ricardo Rivera, tio do vice-presidente, acusado pelo crime de associação ilícita. Além disso, os promotores apresentaram novas provas contra Rivera.

"Conforme as informações enviadas pela autoridade policial, é possível interpretar que há risco de fuga", disse o promotor Carlos Baca Mancheno em uma entrevista coletiva no fim da audiência.

Para a Corte Nacional de Justiça, as provas apresentadas pela Promotoria-Geral são suficientes para justificar que medidas cautelares adotadas até então eram insuficientes. Por isso, todos os argumentos apresentados foram aceitos pelos juízes.

As ordens de prisão de Glas e do tio do vice-presidente têm efeito imediato. Glas também está proibido de transferir seus bens e teve as contas bancárias congeladas.

Eleito vice-presidente no último dia 2 de abril na chapa do atual presidente Lenín Moreno, que pouco antes o tinha retirado de suas funções por divergências políticas, Glas está há várias semanas proibido de deixar o país.

Através do Twitter, Glas respondeu imediatamente ao decreto, afirmando que está sendo preso "sem provas" e com "indícios forjados". "Acato sob protesto esse infame atropelo", escreveu.

Também na rede social, o vice-presidente disse que tem vê que a Justiça irá se sobrepor sobre o que considera como um "linchamento".

Em resposta a essa mensagem, a Promotoria-Geral respondeu que "atua de maneira responsável e não sob pressões midiáticas ou políticas".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos