Após massacre em Las Vegas, artistas latinos pedem melhor controle de armas

Miami (EUA), 3 out (EFE).- Artistas latinos mostraram solidariedade com as vítimas do ataque de domingo passado em Las Vegas, em que pelo menos 59 pessoas morreram, e pediram união e mais controle na venda de armas nos Estados Unidos.

No Twitter, o cantor porto-riquenho Ricky Martin desejou amor para as vítimas da cidade de Nevada.

"Tão triste. Amor e luz para todos em #LasVegas", postou.

Em uma série de tweets, o ator colombiano John Leguizamo pediu "uma reforma na lei de armas" e qualificou de "nojento" o fato de a Associação Nacional de Rifles (NRA) continuar recebendo doações depois do que aconteceu.

A colombiana Sofia Vergara também se mostrou favorável ao controle de armas em território americano e retuitou a imagem que o roteirista de "Modern Family", Steve Levitan, e muitos outros publicaram, de um homem e uma mulher abraçados e agachados no Festival de Route 91 Harvest e que diz: "Não é muito cedo para falar sobre soluções para a violência armada; é tarde demais".

A cantora e atriz americana Jennifer Lopez, filha de porto-riquenhos, declarou o seu amor pela cidade e disse estar arrasada com o que aconteceu. Depois, a estrela postou uma lista com centros de doação de sangue em Nevada.

O cantor mexicano Luis Miguel, por sua vez, postou uma imagem em preto em branco da cidade com a legenda "nunca se apaga".

Outros artistas como Eva Longoria, Marc Anthony e Rosie Pérez pediram orações por Las Vegas e mostraram proximidade com as famílias das vítimas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos