Papa lança vídeo sobre direitos dos trabalhadores

Cidade do Vaticano, 3 out (EFE).- O papa Francisco lançou nesta terça-feira um vídeo pedindo para que as pessoas denunciem situações de violação dos direitos dos trabalhadores.

"Devemos recordar sempre a dignidade e os direitos dos trabalhadores, denunciar as situações nas quais se violam esses direitos, e ajudar a que contribua para um autêntico progresso do homem e da sociedade", diz Francisco no "Vídeo do Papa", a mensagem que o pontífice grava todos os meses, desde janeiro de 2016, para abordar um tema cotidiano.

Na edição de outubro da iniciativa lançada pela Rede Mundial de Oração do Papa, Francisco pede para rezar "pelo mundo do trabalho, para que todos possam ter assegurados o respeito e a proteção de seus direitos e que aos desempregados se dê a oportunidade de contribuírem com o trabalho para a construção do bem comum".

No vídeo, as imagens do papa são intercaladas com as de pessoas trabalhando em um escritório e na rua, por exemplo. De fundo, a história de um homem de meia idade que deixa o seu currículo em vários locais, até que um entregador de pizza o ajuda a encontrar trabalho.

"O Vídeo do Papa" é divulgado nas redes sociais, com Francisco falando em espanhol, a sua língua materna, e legendado em mais de dez idiomas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos