Presidente catalão diz que rei da Espanha decepcionou com discurso

Barcelona (Espanha), 4 out (EFE).- O presidente da região (Generalitat) da Catalunha, Carles Puigdemont, acusou nesta quarta-feira o rei da Espanha, Felipe VI, de ter assumido as políticas do governo de Mariano Rajoy, as quais definiu como "catastróficas em relação à Catalunha", e de decepcionar "muita gente que o aprecia".

Em uma declaração institucional na sede do governo catalão, Puigdemont afirmou que ontem, em pronunciamento transmitido nacionalmente pela televisão, o monarca se dirigiu "a uma parte da população" e "ignorou deliberadamente os milhões de catalães que não pensam como eles" e os catalães que "foram vítimas de uma violência policial que gelou o coração de meio mundo".

O rei Felipe VI declarou ontem que há tempo que "determinadas autoridades" da Catalunha descumpriam a Constituição e o Estatuto e classificou o comportamento delas como "deslealdade inadmissível" e "conduta irresponsável" por tentarem "quebrar a unidade da Espanha". EFE

rm/id

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos