Cazaquistão e Brasil negociam assinatura de acordo bilateral

Astana, 6 out (EFE).- Cazaquistão e Brasil estão em negociações para firmarem um acordo de cooperação bilateral que permita a realização de "projetos específicos", disse nesta sexta-feira à Agência Efe o diretor do Departamento de Ásia Central e Meridional e Oceania do Ministério das Relações Exteriores, Ary Norton de Murat Quintella.

"Brasil e Cazaquistão não têm ainda um acordo de cooperação técnica. Estamos negociando um texto e esperamos assiná-lo em breve, em três meses", afirmou Quintella.

"Precisamos de um 'contrato guarda-chuva' que nos permita desenvolver projetos específicos juntos", acrescentou.

O diplomata brasileiro reconheceu que são cogitados vários possíveis planos de cooperação, entre eles um projeto de educação no Afeganistão.

"Há várias possibilidades, mas primeiro precisamos deste acordo sobre cooperação técnica que está sendo negociado agora", explicou.

Quintella também falou sobre o trabalho do governo cazaque nas negociações de paz na Siria dentro do processo de Astana.

"O Brasil aprecia os esforços do Cazaquistão para juntar todos os atores do conflito sírio e fazê-los dialogar. É um dos caminhos com os quais a diplomacia cazaque está mostrando ao mundo seu trabalho nas relações exteriores", comentou.

A capital cazaque já recebeu seis reuniões sobre o conflito na Síria. O principal resultado foi a assinatura de um acordo, em maio, pelo qual foram estabelecidas quatro áreas seguras no país árabe para proteger a população civil e diminuir as tensões entre insurgentes e as forças governamentais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos