Governo catalão publica resultados de referendo de independência

Barcelona (Espanha), 6 out (EFE).- O governo da região da Catalunha publicou nesta sexta-feira os dados oficiais do referendo de independência do último domingo, considerado ilegal pelo Tribunal Constitucional da Espanha, no qual, segundo a apuração oficial, 2,044 milhões de eleitores votaram em favor da secessão.

Segundo os dados do governo catalão, participaram da votação 2,286 milhões de pessoas (43% do censo eleitoral), das quais 2.044.038 votaram pelo sim, enquanto 177.547 optaram pelo não, outras 44.913 votaram em branco e 19.719 anularam seus votos.

A chamada Lei do Referendo, que o parlamento regional da Catalunha aprovou em 6 de setembro e que foi suspensa pelo Tribunal Constitucional, assim como a convocação da consulta, estabelecia que, uma vez anunciados os resultados oficiais, a Declaração Unilateral de Independência (DUI) deveria se tornar efetiva num prazo de 48 horas.

Já que o fim de semana não conta, esse prazo termina na terça-feira, dia 10, e hoje mesmo o órgão executivo d a assembleia catalã marcou para esse dia um pronunciamento no plenário do presidente regional, Carles Puigdemont.

Após a reunião do órgão executivo do parlamento catalão, fontes da coalizão do governo regional garantiram que o único ponto de agenda de 10 de outubro é o pronunciamento de Puigdemont, o que não inclui uma declaração de independência.

Os grupos contrários à independência advertiram à presidente do parlamento regional, Carme Forcadell, que ela será obrigada a suspender a sessão se a ordem do dia for alterada para incluir uma declaração unilateral de independência.

O Tribunal Constitucional suspendeu ontem a sessão do parlamento regional que estava prevista para a próxima segunda-feira, na qual os separatistas pretendiam proclamar unilateralmente a independência da Catalunha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos