May quer flexibilidade da UE perante início de novas negociações

Londres, 9 out (EFE).- A primeira-ministra britânica, Theresa May, pedirá nesta segunda-feira que a União Europeia (UE) mostre flexibilidade nas negociações sobre o "Brexit" e deve reiterar a necessidade de alcançar uma relação especial entre seu país e o bloco europeu.

May comparecerá por volta das 12h30 (em Brasília) na Câmara dos Comuns para informar aos deputados sobre o "brexit" (saída do Reino Unido do bloco comunitário), após seu discurso do mês passado em Florença (Itália), e destacará que agora "a bola está" com a UE para fazer as negociações avançarem.

O discurso da chefe do Governo no Parlamento coincide com o início hoje em Bruxelas da quinta rodada da primeira fase das negociações sobre o "brexit".

Os líderes europeus decidirão neste mês se nesta primeira fase foram conquistados avanços importantes, como a conta que o Reino Unido deverá pagar por sua saída do bloco, para passar à segunda fase sobre a futura relação comercial entre ambas as partes.

Após seu discurso na Câmara Comuns, May deve se reunir na sua residência do número 10 de Downing Street, em Londres, com líderes de importantes companhias para falar do "brexit", depois que alguns empresários manifestaram inquietação sobre os poucos avanços nas negociações, como a situação dos comunitários que vivem no Reino Unido.

É esperado que o Reino Unido esteja fora da UE em março de 2019, uma vez cumpridos os dois anos formais de negociações estipulados no Tratado de Lisboa após Londres comunicar sua saída em uma carta enviada em março a Bruxelas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos