Rebelião em presídio no norte do México deixa 1 morto e 12 feridos

Monterrey (México), 10 out (EFE).- Uma pessoa morreu e 12 ficaram feridas nesta terça-feira em uma rebelião na Penitenciária de Cadereyta, no estado de Nuevo León, no norte do México, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

Segundo as fontes, presos com envolvimento com o Cartel do Golfo começaram um motim de madrugada contra o diretor da penitenciária, Edgardo Aguilar Aranda, que eles vinculam ao grupo rival, o Los Zetas. A ação terminou com uma pessoa morta e pelo menos 12 presos e guardas feridos.

"Os líderes concordaram em voltar para as celas para apresentar um pedido formal", disse à Agência Efe a porta-voz do governo de Nuevo León, Diana Adame.

Na rebelião, lixeiras e colchões foram queimados no pátio e alguns dos presos subiram no telhado com cartazes manifestando descontentamento com Aranda.

Em março, a Penitenciária de Cadereyta foi palco de uma rixa entre internos e que terminou com quatro presos mortos e 20 feridos.

A Comissão Nacional dos Direitos Humanos (CNDH) alertou que o "autogoverno" que os rés exercem nas prisões evidência a falta de autoridade no sistema penitenciário de Nuevo León, que sofre com problemas de superlotação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos