Pelo menos 25 pessoas morrem em ataque de milícia em mesquita na RCA

Bangui, 13 out (EFE).- Pelo menos 25 pessoas morreram na quarta-feira em um ataque da milícia Antibalaka enquanto rezavam na mesquita de Kembe, no sul da República Centro-Africana (RCA), informaram hoje à Agência Efe fontes locais.

Entre os mortos no ataque, que aconteceu na primeira reza de quarta-feira, estão o ímã e cinco rebeldes da União para a Paz (UPC), que foram degolados por militantes da milícia cristã Antibalaka, disse à Efe o presidente do Conselho de Idosos Muçulmanos, Abdouramane Bornou.

O Conselho de Idosos decretou três dias de luto em memória das vítimas e as atividades comerciais foram suspensas devido à indignação que os fatos causaram entre a comunidade muçulmana.

"Os muçulmanos da RCA estão de luto", disse Bornou, que pediu à comunidade moderação a fim de "preservar a coesão social e a paz", denunciando a ausência de forças da paz das Nações Unidas na cidade.

O país vive um complicado processo de transição desde que em 2013 os ex-rebeldes Séléka retirassem do poder o presidente François Bozizé, criando uma onda de violência sectária entre muçulmanos e cristãos que causou milhares de mortos e obrigou perto de um milhão de pessoas a deixar seus lares.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos