Presidente de Portugal acompanha evolução dos incêndios no país

Lisboa, 15 out (EFE).- O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, acompanha a evolução da onda de incêndios que afeta o centro e o norte do país e que, segundo balanços preliminares, já deixou três pessoas mortas e mais de 20 feridas.

Em uma mensagem publicada na página web da Presidência, Rebelo de Sousa manifestou sua solidariedade com as cidades atingidas pelas chamas e agradeceu "o sacrifício" de seus governantes, bem como o dos milhares de bombeiros que tentam controlar o fogo e as autoridades de Proteção Civil.

Além disso, expressou seu "profundo pesar" aos familiares das vítimas.

Posteriormente, o presidente falou por telefone com a rede de televisão "SIC", onde destacou que, uma vez superada esta "noite trágica", será necessário tirar "conclusões" sobre o que aconteceu.

Neste sentido, expôs que, da mesma forma na qual se tiraram conclusões acerca da gestão do trágico incêndio de Pedrógão Grande, que deixou em junho passado 64 mortos e mais de 250 feridos, espera que após o acontecido neste domingo se "possa explicar" por que continuam acontecendo situações assim.

Segundo afirmou a imprensa local, pelo menos três pessoas morreram em incêndios nos distritos de Coimbra e Castelo Branco, ambos no centro de Portugal, uma das regiões mais afetadas pelo fogo junto com o norte do país.

Atualmente permanecem ativos 108 incêndios, 30 deles considerados importantes, que mais de 5.300 bombeiros tentam controlar apoiados por 1.600 veículos de extinção terrestre e mais de 200 militares, segundo dados de Proteção Civil.

As altas temperaturas e a escassez de chuvas das últimas semanas são duas das principais causas da enorme propagação de incêndios vividos no país, onde se considera este domingo como a pior do ano ao registrar 443 incêndios.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos