Número de mortos em incêndios na Califórnia sobe para 41

Los Angeles (EUA), 16 out (EFE).- Pelo menos 41 pessoas morreram e mais de 86 mil hectares foram arrasados pelos incêndios que atingem há mais de uma semana a Califórnia, nos Estados Unidos, de acordo com o último boletim divulgado nesta segunda-feira pelo Departamento Estadual Florestal e de Proteção contra Incêndios.

Os condados de Sonoma e Napa, região do norte do estado conhecida mundialmente pela qualidade de seus vinhos, são duas das regiões mais afetadas pelos incêndios, que já estão entre os mais graves já registrados na história da Califórnia.

As autoridades destacaram em comunicado que os 11 mil bombeiros enviados à região continuam avançando para controlar as chamas que destruíram pelo menos 5.700 imóveis.

Mais de 40 mil pessoas seguem fora de suas casas como medida de precaução, apesar de as autoridades da Califórnia terem afirmado que as ordens de evacuação serão reavaliadas como consequência do trabalho dos bombeiros.

O tempo seco e quente ainda pode ser uma ameaça para os bombeiros, mas a previsão indica que a intensidade dos ventos irá diminuir nos próximos dias.

A maior parte das vítimas dos incêndios era de idade avançada, muitos com dificuldade de mobilidade e em um estado de vulnerabilidade para reagir diante de uma emergência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos